10 dicas para ser um gestor de recursos humanos de sucesso

gestor de recursos humanos

Para que um gestor de recursos humanos tenha sucesso, é imprescindível que ele assuma o papel de líder do seu time.

Para isso, seu comportamento e as atitudes que toma em relação ao time e ao trabalho realizado são fundamentais para formar o seu perfil profissional. Líderes de sucesso conquistam seus times e entregam trabalhos com melhor qualidade. Além disso, as pessoas que se identificam com seu gestor não deixam a empresa frente a qualquer adversidade. Listamos, abaixo, 10 dicas que você pode seguir para melhorar o seu trabalho como gestor de recursos humanos. Boa leitura!

1. Seja um líder e não um chefe

Existem várias características que diferenciam bons líderes de apenas chefes. Apesar de todos os líderes poderem, também, ser chefes, não são todos os chefes que são bons líderes. Segundo a revista Elite Daily, os líderes tendem a escutar as necessidades e verificar a melhor maneira de fazer o trabalho dar certo, enquanto chefes apenas dividem o trabalho com a sua perspectiva do que seria o melhor. Líderes têm expectativas bem claras quanto aos seus liderados e as alinham com antecedência, para que a possibilidade de frustração seja diminuída.

2. Aceite e dê feedbacks e sugestões

Não ser o dono da razão é essencial para quem quer ser um gestor de recursos humanos de sucesso. Veja algumas dicas fáceis que ajudam você a dar feedbacks melhores ao seu time:

  • Seja Tempestivo – Aconteceu algo de errado? Fale logo e corrija. Não deixe para falar depois quando a situação não tiver mais importância.
  • Seja claro e preciso – Quando algum prazo não foi cumprido, pergunte o que aconteceu e façam, juntos, um plano de ação para ter a atividade finalizada o quanto antes. Se o feedback for em razão da falta de postura profissional, informe qual atitude foi diferente da esperada.
  • Use a primeira pessoa – Ao invés de dizer “você me incomoda quando fica falando assunto de fora do trabalho no celular”, você pode dizer “eu me sinto incomodado de escutar seus assuntos pessoas enquanto fala no telefone no horário de expediente, tente ir a um local reservado para fazer as ligações.”
  • Fale individualmente – Feedbacks devem ser dados em relação às atividades que a pessoa realizou e ao seu comportamento no período. Não deve-se usar esse momento para falar de atitudes ruins de outras pessoas.
  • Dê exemplos – Caso não seja possível falar com alguém logo depois que algo ocorreu, faça uma reunião de feedback e cite exemplos de situações em que a pessoa se deu bem e outras que precisa melhorar.

Da mesma forma que você deve dar feedbacks, esteja preparado para recebê-los. Quando sua equipe vier até você com sugestões, escute e aplique o que fizer sentido na sua concepção.

3. Seja sempre respeitoso ao dar avisos e notícias difíceis

Regras que mudam, colaboradores sendo desligados, necessidade de alterar o período de férias: existem várias notícias difíceis que um gestor de recursos humanos de sucesso pode dar a sua equipe. Para fazer isso da melhor forma, busque os colaboradores separadamente, quando necessário. Muitas vezes, é necessário uma explicação individual para que todos entendam uma mensagem.

4. Seja um canal de motivação (não deixe a peteca cair)

Motive ao invés de trabalhar com ameaças. Equipes que entendem o propósito das atividades que realizam se sentem parte de algo grande, e não apenas esquecidos em um canto da empresa. Para motivar todos, ponha a mão na massa quando tiver muito trabalho. Mostre que seus colaboradores podem contar com você! Além disso, busque entender o que é importante para cada um, se é somente o dinheiro, o sentimento de concluírem uma tarefa ou o reconhecimento que recebem do grupo.

Entender o que motiva as pessoas não é uma tarefa fácil. Um casal fundou o Walk and Talk com objetivo de dar a volta ao mundo e entender o que motivava cada um. Se quiser entender um pouco mais sobre esse tema, acesse o link!

5. Saiba delegar funções e prioridades

Para conseguir delegar tarefas, você precisa conhecer e confiar no trabalho da sua equipe. Para entender quais tarefas devem ser delegadas, busque categorizar as atividades em nível de importância e urgência. Delegue tudo que for importante e não for urgente, você poderá revisar o trabalho mais tarde.

Para saber a pessoa certa para quem delegar, você, como gestor de recursos humanos de sucesso, deve entender as facilidades e habilidades de cada colaborador.

6. Separe vida profissional da vida pessoal

Para conseguir ser um gestor de recursos humanos de sucesso, você precisa conseguir relaxar no momento certo e focar no trabalho quando necessário. Para isso, tenha dois e-mails, um pessoal e um de trabalho e busque não misturar os assuntos.

Hoje em dia, existem redes sociais  para todos os tipos de relacionamentos. Os de trabalho podem ser mantidos virtualmente pelo LinkedIn, enquanto os pessoais pelo Facebook, por exemplo.

7. Seja resiliente

O conceito da resiliência vem da física, e é a capacidade de um material retornar ao formato inicial após sofrer algum trauma. Para líderes, inclusive para o gestor de recursos humanos, essa capacidade é muito importante, pois é comum enfrentar momentos de pressão e de cobrança dos seus superiores. Além disso, o líder precisa estar preparado para mudanças e para conduzi-las na organização. Por isso, líderes interpretam a adversidade como possibilidade de crescimento ao invés de se colocarem como vítimas da situação.

8. Seja recompensador

Um bom gestor de recursos humanos sabe reconhecer seus liderados pelas boas ações e excelência nas rotinas do trabalho. Boas formas de recompensar a equipe são: Feedbacks positivos, elogios para outros gestores, promoções de cargo, festas de comemoração, entre outros.

9. Vontade de aprender

Líderes devem estar sempre em busca de aprendizado. Na área de recursos humanos, os gestores devem aprender sobre comportamento, seleção e desenvolvimento de pessoas, técnicas de entrevista, treinamentos, entre outros. Por meio dessa busca de conhecimento, o gestor de recursos humanos poderá inovar na sua área e trazer benefícios para toda a empresa.

10. Assumir responsabilidades

Um gestor de recursos humanos tem duas opções: ou revisa e corrige o trabalho seu time, ou assume o trabalho como sendo o resultado do esforço do RH. Líderes que não revisam atividades e culpam os funcionários para seus superiores não demonstram responsabilidade com a função. Nesse caso, é papel do gestor assumir o trabalho e as críticas, levando-as depois à sua equipe.

Essas 10 dicas podem tornar de você um gestor de recursos humanos melhor. Aplique-as no dia a dia e veja a transformação da sua rotina. É claro que, para trocar a imagem profissional que as pessoas já têm de você, será necessário trabalhar duro. Lembre-se de assumir a responsabilidade em relação ao seu trabalho e ao do seu time: isso demonstra confiança e faz com a sua equipe trabalhem com mais dedicação. Além disso, pesquise sempre sobre gestão de pessoas e aprenda novas técnicas para motivar os colaboradores: eles vão perceber a diferença e criarão elos com você.

E então, gostou desse conteúdo? Quer continuar aprendendo sobre gestão de pessoas e como se tornar um gestor de recursos humanos de sucesso? Conheça mais os cursos do Ambra College!

am_cta_ebook01_autogerenciamento